Jornal da Manhã de 29 de julho de 2022

Imagem de arquivo | Eduardo Pinto

Destaques desta edição de notícias:

  • Quase 500 bombeiros permanecem no terreno no combate a incêndios nos concelhos de Vila Pouca de Aguiar e Mirandela.
  • Um homem de cerca de 50 anos foi constituído arguido pela suspeita de realização de trabalhos em área florestal que poderão estar na origem do incêndio que lavra em Vila Pouca de Aguiar.
  • A Polícia Judiciária de Vila Real, com a colaboração da GNR de Moimenta da Beira, deteve um agricultor de 41 anos, suspeito de ter ateado um incêndio numa área florestal no concelho de S. João da Pesqueira.
  • O Ministério Público suspeita que a EDP e a Engie fugiram aos impostos no negócio da venda das barragens transmontanas na bacia do Douro.

Ouça aqui o noticiário:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.