Agricultor de 40 anos em prisão preventiva por sequestro e roubo em Chaves

Um agricultor de 40 anos vai aguardar julgamento em prisão preventiva, depois de ter sido detido pela Polícia Judiciária por suspeita dos crimes de sequestro e roubo, em Chaves, em abril de 2020.



A PJ, em comunicado, diz que suspeita de um grupo de três indivíduos que se introduziram numa habitação naquele concelho e, mediante o recurso à força e a armas de fogo, sequestraram e coagiram as vítimas – um casal de idosos e a filha – à entrega de uma elevada quantia em dinheiro e artigos em ouro.

Segundo a PJ, as vítimas foram “violentamente agredidas”, tendo de ser assistidas no Hospital de Chaves.

O suspeito agora detido, um agricultor de 40 anos, foi presente a interrogatório judicial e foi-lhe aplicada a prisão preventiva como medida de coação.

A Polícia Judiciária continua a tentar identificar os restantes autores e sua relação com a prática de outros crimes da mesma natureza ocorridos na região.

Rádio Ansiães

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.