Tribunal de Contas dá visto favorável à requalificação da vila do Pinhão

Rua principal é a única opção no Pinhão para veículos pesados | Foto: Eduardo Pinto

A primeira fase da requalificação do centro histórico da vila do Pinhão teve visto favorável do Tribunal de Contas.

O plano de investimentos inclui a beneficiação da rua principal, onde sobra trânsito de veículos e falta espaço para os peões. Tem quatro fases para desenvolver em vários anos e representa um investimento de mais de cinco milhões e meio de euros.

O parecer era aguardado pelo Município de Alijó desde que assinou o contrato de adjudicação da empreitada no fim de março. A execução da primeira fase da requalificação do núcleo urbano do Pinhão vai custar quase 1,2 milhões de euros e decorrer ao longo de 18 meses.

A primeira fase desenvolve-se entre a rua principal e a linha de comboio. Inclui uma pérgula decorativa, lugares de estacionamento de veículos, praça para fruição de pessoas e trajetos pedonais. Depois haverá mais três fases:

O presidente da autarquia alijoense, José Paredes, diz que vai finalmente ser resolvido o problema de uma terra que uma das principais portas de entrada de turistas no Douro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *