Viticultores do Douro afetados pelo granizo da primavera continuam à espera de apoio

José e Maria Gina têm o rendimento anual comprometido pelo granizo | Foto: Eduardo Pinto

No dia 31 de maio deste ano, 20 minutos de trovoada com granizo intenso provocaram avultados prejuízos em dezenas de hectares de vinha na Região Demarcada do Douro. Duas semanas depois a intempérie repetiu-se e destruiu por completo alguma esperança que ainda restasse aos viticultores.

Quase dois meses volvidos e depois de terem efetuado tratamentos para, pelo menos, salvar as videiras, o desespero não esmoreceu. Ouça a reportagem de Eduardo Pinto:

Os lamentos de agricultores no Douro, onde os temporais com granizo, entre 31 de maio e 15 de junho terão destruído, em algumas zonas, grande parte da produção.

O granizo não deixou bago sobre bago nos cachos da Galafura | Foto: Eduardo Pinto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *