Concelhos da Terra Quente criam plano para acolher e integrar imigrantes

Imagem retirada do vídeo promocional

Os cinco concelhos da Terra Quente Transmontana têm um plano de acolhimento e integração da comunidade imigrante.

O projeto inovador é o resultado de um diagnóstico que durou dois anos e engloba 42 medidas de atuação, em quatro níveis, explica a coordenadora do projeto, Susana Seramota:

O plano intermunicipal tem como base uma população imigrante estimada em cerca de 650 pessoas nos cinco concelhos:

O plano intermunicipal de acolhimento e integração da comunidade imigrante é para ser aplicado nos concelhos de Alfândega da Fé, Carrazeda de Ansiães, Macedo de Cavaleiros, Mirandela e Vila Flor.

Imagem retirada do vídeo promocional

Comentário(s) para: “Concelhos da Terra Quente criam plano para acolher e integrar imigrantes

  1. Boa iniciativa pensando no repovoamento dos concelhos, mas acho que outras medidas e incentivos podem ser implementados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *