Covid-19 | Confirmado primeiro caso de infeção pelo novo coronavírus em Carrazeda de Ansiães




Está confirmado o primeiro caso de infeção pelo novo coronavírus no concelho de Carrazeda de Ansiães. Trata-se de uma mulher com cerca de 60 anos, de idade.

Ao que apurámos, esta professora aposentada estava a cumprir quarentena, após uma viagem de cruzeiro ao Dubai, e terá sofrido um agravamento dos sintomas nos últimos dias.

Por indicação da SNS24 foi transportada, pela ambulância SIV do INEM, ao Hospital de Mirandela, onde já necessitou de ser ventilada. Devido à gravidade de quadro clínico foi decidido transportar a mulher para o Hospital de Bragança. 

O resultado do teste à Covid-19 foi conhecido esta quinta-feira e, ao que conseguimos apurar, deu positivo.

Sendo assim, também o concelho de Carrazeda de Ansiães passa a constar da lista dos casos confirmados. Só Vila Flor, Mogadouro, Miranda do Douro e Vinhais é que ainda não têm casos.

Esta quinta-feira foi confirmada mais uma pessoa infetada. É um utente da Unidade de Cuidados Continuados de Bragança. Natural do concelho de Macedo de Cavaleiros, tinha estado internado durante 11 dias, entre 3 e 23 de Março, no Hospital de Bragança, onde acabou por ser submetido ao teste. Antes de ser conhecido o resultado voltou à unidade de cuidados continuados, onde ficou em isolamento.  

Após a confirmação da análise positiva para Covid-19, o idoso foi transportado para o Hospital de Bragança onde está internado. A informação foi confirmada por um membro da Mesa da Assembleia da Santa Casa da Misericórdia de Bragança.

A unidade de cuidados continuados está em isolamento e vão ser testadas as pessoas que tiveram contacto com o doente.

Entretanto, do lar da Santa Casa de Bragança foram encaminhados para o hospital seis utentes, para serem testados depois de terem sentido sintomas compatíveis com a doença Covid-19.

Estes três homens e três mulheres, com mais de 80 anos, estão a aguardar o resultado do teste.

Enquanto estes procedimentos decorrem a Misericórdia de Bragança garante estar a seguir as instruções da linha SNS24.

Para já, estão confirmados 36 casos no distrito. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *