Covid-19 | Carrazeda pode entrar para a lista dos infetados no distrito de Bragança já com 34 casos




Aumentou para 34 o número de infetados pelo novo coronavírus no distrito de Bragança. Mais sete casos nas últimas 24 horas. 

Uma mulher com cerca de 60 anos, de Carrazeda de Ansiães, poderá ser o próximo caso de Covid-19 no distrito de Bragança.

Ao que apurámos, esta professora aposentada estava de quarentena, após uma viagem internacional num cruzeiro, e terá sofrido um agravamento dos sintomas nas últimas horas.

Por indicação do SNS24 foi transportada pela ambulância SIV do INEM ao hospital de Mirandela, onde já necessitou de ser ventilada.

Devido à gravidade de quadro clínico, foi decidido transportar a mulher para o hospital de Bragança. Ainda não há confirmação do resultado do teste à Covid-19. 

Entretanto, esta quarta-feira terminou com, pelo menos, mais sete casos positivos no distrito e outros suspeitos que aguardam o resultado das análises, elevando o total de casos confirmados para 34.

Quatro deles foram registados em Bragança. Um foi um conhecido empresário brigantino, do setor da construção, de 55 anos, para além de uma profissional de saúde do hospital brigantino, na casa dos 40.

A estes dois casos positivos somam-se os de dois reformados, um deles natural de Mogadouro, mas residente em Bragança há várias décadas.

Regista-se ainda mais um caso em Mirandela e outro na aldeia de Carviçais, no concelho de Torre de Moncorvo.

Ainda não foi possível confirmar a proveniência do sétimo.

Ao todo, o concelho de Bragança apresenta já 20 casos confirmados e Mirandela cinco. Quatro em Macedo de Cavaleiros, dois em Torre de Moncorvo e os restantes três são distribuídos pelos concelhos de Freixo de Espada à Cinta, Alfândega da Fé e Vimioso.

Pelo segundo dia consecutivo, a Direção-Geral de Saúde (DGS) divulgou uma listagem da caracterização demográfica dos casos confirmados, nos vários concelhos do país, com dados atualizados até às 11 horas desta quarta-feira. No entanto, apenas diz ser informação relativa a 54% dos casos confirmados. 

Mas, do distrito de Bragança, tal como ontem, só figuram sete casos, em vez dos 27 registados até às 11 horas de ontem, e apenas surgem na lista, os concelhos de Bragança (4) e de Mirandela (3). 

Ou seja, muito menos do que os tais 54% que refere a DGS na sua página oficial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *