Alijó marca arranque da campanha solidária “Dê troco a quem precisa”

Autarca de Alijó durante compra na Farmácia Espírito Santo | Foto: Município de Alijó

O presidente da Câmara de Alijó, José Paredes, deu ontem o pontapé de saída à campanha “Dê troco a quem precisa” no seu concelho e no distrito de Vila Real.



A campanha, promovida a nível nacional pela Associação Dignitude, ajuda pessoas com carências económica a aceder, sem custos, aos medicamentos prescritos pelo médico.

Para dar o exemplo, o autarca alijoense doou o troco resultante da compra de um medicamento, para continuar a ajudar as 70 pessoas do concelho que já obtêm medicamentos gratuitos no âmbito da rede Abem:

Segundo José Paredes, cada euro doado representa oito euros de ajuda social:

Maria Espírito Santo, diretora técnica da Farmácia Espírito Santo, em Alijó, aderiu a esta campanha porque sabe bem o que é lidar com pessoas que precisam de medicamentos e não têm dinheiro para os comprar:

José Santos foi um dos alijoenses que contribuiu nesta farmácia, neste caso com cinco euros:

O montante angariado nesta campanha, até 25 dia de dezembro, será integralmente aplicado na aquisição de medicamentos dos beneficiários abrangidos pelo Programa Abem, a Rede Solidária do Medicamento.

Em janeiro deste ano, o Município de Alijó assinou um protocolo com a Associação Dignitude, responsável por este programa, para garantir o acesso a medicamentos a todos os munícipes em situação de carência.

No distrito de Vila Real, existe uma rede de 26 Farmácias aderentes, nas quais 206 beneficiários podem aceder, sem custos, aos medicamentos prescritos pelo médico.

Desde o início do Programa Abem, a 25 de maio de 2016, já foram dispensadas cerca de 2500 embalagens de medicamentos no distrito de Vila Real.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.