Bombeiro ficou ferido durante combate a fogo

Foto de arquivo

Um bombeiro de 33 anos, da corporação de Sendim, Miranda do Douro, ficou ferido com gravidade durante o combate a um incêndio que começou ontem à tarde, em Pinhal do Douro, Carrazeda de Ansiães, e se estendeu à Lousa, em Torre de Moncorvo.

O homem ficou gravemente ferido, cerca das 6 horas da manhã de hoje, após ter sido atropelado por um carro de bombeiros.

A vítima ficou entalada entre o veículo e uma árvore. Foi encaminhada para o Hospital de Vila Real e está “estável, consciente e orientada”, de acordo com informações avançadas à Lusa pelo comando distrital de Operações de Socorro (CDOS).

Segundo o comandante, Noel Afonso, o acidente ocorreu ao início da manhã. O veículo que se encontrava parado a apoiar as operações de combate ao incêndio ter-se-á destravado e atingiu o bombeiro com a traseira.

A vítima ficou entre o veículo e uma árvore, apresentando lesões “com alguma gravidade”, de acordo com o comandante do CDOS, nomeadamente um traumatismo torácico e suspeita de traumatismo cranioencefálico.

Neste momento, este incêndio está em fase de resolução e conta com 70 operacionais no terreno, apoiados por 25 viaturas e um meio aéreo.

Por Rádio Ansiães com Lusa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close