Autarca de Carrazeda exige debate sobre regionalização

João Gonçalves abordou a regionalização no discurso da comemoração do 25 de Abril
Foto: Município de Carrazeda

O presidente da Câmara de Carrazeda de Ansiães defende que a regionalização deve voltar à agenda política. O tema foi abordado, ontem, no CITICA, no discurso que encerrou a cerimónia que assinalou os 45 anos do 25 de Abril.

João Gonçalves salienta que já houve muitos diagnósticos sobre o interior, mas ainda não se inverteu a tendência centralista do Estado. Daí que haja necessidade de voltar a debater a regionalização:

João Gonçalves salienta que o debate sobre as virtudes ou defeitos da regionalização deve ocorrer antes de se idealizarem regiões, para evitar cometer os erros de há 20 anos:

Regionalização à parte, a Câmara de Carrazeda aprovou, por unanimidade, uma moção contra a redução dos comboios turísticos na linha do Douro.

Foi pedida uma reunião à CP, mas ainda não foi marcada. No entanto, mantém-se a intenção de explicar à empresa Comboios de Portugal que está a cometer um erro:

Mantém-se a luta da Câmara de Carrazeda pela manutenção do comboio turístico Miradouro, entre o Porto e Foz-Tua, e contra a redução para quase metade das viagens do comboio histórico entre a Régua e Foz-Tua.

Por Rádio Ansiães

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close